segunda-feira, 11 de setembro de 2017

A vida ❣

Lembro-me, frequentemente, de uma das minhas conversas com a minha psicóloga, em que desabafava, que tinha dias em que me sentia bipolar... que havia dias em que, até acordava "bem", mas bastava entrar no carro e ouvir uma música que me tocasse mais, que não conseguia controlar as lágrimas...

Lembro-me de lhe ter dito, que sentia que, ao longo do meu dia, tinha momentos de serenidade, mas bastava alguma lembrança para me "ir abaixo"...

Lembro-me de lhe ter dito, que detesto sentir-me assim...

Com a sua calma, pediu-me para reproduzir o barulho do bater do coração... meia sem jeito, lá o reproduzi, enquanto isso, ela lá desenhava o ritmo no papel...

Posto isso, mostrou-me que a vida é como o traçado do ritmo cardíaco... cima, baixo, cima, baixo... e que sem este sobe-desce... simplesmente, não há vida!

No nosso dia a dia é igual... temos momentos que nos fazem sentir bem {e desenhava na folha de papel uma linha a subir}, e momentos menos bons {reta a descer}... e que são estes momentos em que estamos em baixo, que ganhamos força e impulso para subir com força... porque sem isso, a linha mantém-se na horizontal...

É, sem dúvida, a metáfora da minha vida  


Sem comentários: